Caminhadas na Natureza como Exercício de Autoconhecimento: Conduzindo à felicidade autêntica

Translated title of the contribution: Walks in nature as exercise of self-knowledge: Leading to authentic happiness

Ivana de Campos Ribeiro, Ana Maria Viegas Firmino, Albertina Raposo, Maria Antónia Pacheco Ilhéu, Silvia franco

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

170 Downloads (Pure)

Abstract

Desde a década de 1960, quando a preocupação com o meio ambiente começa a despontar de forma mais intrigante, até os dias de hoje, uma caminhada entre reflexões acerca da origem e mitigações das atrocidades cometidas pelo próprio ser humano desencadeou movimentos, leis, cursos de formação superior e disciplinas. Contudo, a raiz de toda barbárie ambiental reside no próprio ser humano, nos seus valores distorcidos, corrompidos. Entretanto, os dias de hoje são cada vez mais marcados pela busca da essência humana, seja individual ou coletivamente ou no campo das ciências. O presente estudo, de natureza qualitativa, tem por objetivo, avaliar a capacidade do mundo natural como promotor de reflexões que pudessem levar os participantes de uma caminhada conhecida como Eco ou Walking Coaching, ao conhecimento de si próprios a partir das chamadas AA, Atividades Anímicas (exercícios de percepção, jogos lúdicos e vivências grupais, mindfulness, entre outros). Os resultados apontaram a capacidade de a natureza ser um excelente palco para tais reflexões as quais levam ao autoconhecimento e, consequentemente a revisão de valores e padrões os quais conduzem a uma vida sustentavelmente feliz.
Translated title of the contributionWalks in nature as exercise of self-knowledge: Leading to authentic happiness
Original languagePortuguese
Pages (from-to)20-37
Number of pages18
JournalRevista Hipótese
Volume4
Issue number3
Publication statusPublished - 2018

Keywords

  • Educação Ambiental
  • Autoconhecimento
  • Felicidade
  • Coaching
  • Sustentabilidade
  • Natureza

Fingerprint Dive into the research topics of 'Walks in nature as exercise of self-knowledge: Leading to authentic happiness'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this