Vestígios de produção oleira dos finais do século XV (escadinhas da barroca, Lisboa)

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contribution

15 Downloads (Pure)

Abstract

A intervenção arqueológica num edifício na baixa pombalina, nas Escadinhas da Barroca, pôs a descoberto duas estruturas reconhecidas como fornos. A sua tipologia, ainda que não inédita, é muito diferente das características que normalmente se reconhecem nos fornos encontrados na capital, demonstrando a ausência de uma grelha ou qualquer outra forma de separação entre a câmara de combustão e a câmara de cozedura. Os canos em cerâmica, ali identificados, podem ter desempenhado um papel fundamental no processo de cozedura. Apesar de apenas alguns fragmentos em cerâmica tenham sido registados no seu interior foi identificado um conjunto de objectos relacionados com restos de produção na sua proximidade o que permitiu reconhecer o tipo de peças ali produzido. Recipientes relacionados com actividades domésticas tais como panelas, púcaros ou cântaros correspondem à maioria do que ali foi reconhecido, cujas formas e decoração permitem atribuir a produções da segunda metade do século XV. O objectivo do presente trabalho é apresentar os dois fornos identificados, debater acerca da sua utilização e o tipo de cerâmica encontrada e enquadrar estes achados na produção de cerâmica lisboeta dos inícios da Idade Moderna.


The excavation of a building in downtown Lisbon in Escadinhas da Barroca led to the discovery of two kilns. Their typology is quite different from the kilns usually found in Lisbon with the complete absence of a grid or any other structure that would separate the fire chamber from the ware chamber. A few ceramic pipes may have played an important role in supplying air into the kiln.
Although just a few objects were found inside, a waster was located close to the structures which permitted to recognize what type of pottery was being fired. Everyday wares such as cups, cooking pots and costrels were the main type of vessels produced. Their shapes and decoration suggest a second half of the 15th century context. The objective of this paper is to present those two kilns discussing their peculiar shape and firing technology as well as the type of pottery produced.
Original languagePortuguese
Title of host publicationExtrair e Produzir
Subtitle of host publicationDos Primeiros Artefactos à Civilização
EditorsJoão Carlos Senna-Martinez, Ana Cristina Martins, Ana Caessa, António Marques, Isabel Cameira
Place of PublicationLisboa
PublisherCâmara Municipal de Lisboa/ Direção Municipal de Cultura/ Departamento de Património Cultural/ Centro de Arqueologia de Lisboa Sociedade de Geografia de Lisboa / Secção de Arqueologia
Pages109-121
Number of pages13
ISBN (Print)978-972-8543-53-2
Publication statusPublished - 2019
Event3º Seminário Fragmentos de Arqueologia de Lisboa - Lisboa, Portugal
Duration: 20 Nov 201821 Nov 2018

Conference

Conference3º Seminário Fragmentos de Arqueologia de Lisboa
CountryPortugal
CityLisboa
Period20/11/1821/11/18

Keywords

  • Industrialização
  • Caldeireiros
  • Serralheiros
  • Arqueologia Industrial

Cite this

Henriques, J. P., Filipe, V., Casimiro, T. M., & Krus, A. (2019). Vestígios de produção oleira dos finais do século XV (escadinhas da barroca, Lisboa). In J. C. Senna-Martinez, A. C. Martins, A. Caessa, A. Marques, & I. Cameira (Eds.), Extrair e Produzir: Dos Primeiros Artefactos à Civilização (pp. 109-121). Câmara Municipal de Lisboa/ Direção Municipal de Cultura/ Departamento de Património Cultural/ Centro de Arqueologia de Lisboa Sociedade de Geografia de Lisboa / Secção de Arqueologia.