A Questão de Chipre. Implicações para a União Europeia e a Adesão da Turquia

Translated title of the contribution: The Cyprus Question: Outcomes for the European Union and the Accession of Turkey

Research output: Book/ReportBook

Abstract

Situada no extremo oriental do mar Mediterrâneo, próxima da Turquia, da Síria e do Líbano, a ilha de Chipre é o território da União Europeia geograficamente mais afastado de Portugal. A distância geográfica acompanha a distância no (des)conhecimento da realidade política, social, económica e cultural do país. Chipre só tem visibilidade nos media quando as negociações de adesão da Turquia à União Europeia colidem com o problema da reunificação e as posições do governo cipriota. Como é que se chegou a esta situação invulgar para a actual island of peace europeia? Porque é que a ilha foi dividida em 1974, de uma maneira que faz lembrar a Alemanha durante a Guerra Fria? Qual a razão porque este novo Estado-membro da União Europeia entrou truncado em mais de 1/3 do seu território e em cerca de 1/5 da sua população? Porque falhou o plano Plano Annan, no seu objectivo de reunificar as duas partes da ilha em 2004? Que se pode esperar do novo processo negociai relançado em 2008? Quais as consequências da perpetuação deste conflito para o futuro europeu e a adesão da Turquia? A análise em profundidade destas questões, numa abrangente perspectiva histórica, política e de relações internacionais, é o objecto central deste livro que preenche um vazio face à inexistência de estudos portugueses, de perfil académico-científico, sobre este importante assunto da política europeia e internacional.
Translated title of the contributionThe Cyprus Question: Outcomes for the European Union and the Accession of Turkey
Original languagePortuguese
PublisherAlmedina
Number of pages250
ISBN (Print)9789724035895
Publication statusPublished - 2008

Publication series

NameFora de Coleção

Fingerprint Dive into the research topics of 'The Cyprus Question: Outcomes for the European Union and the Accession of Turkey'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this