A pandemia de Covid-19 na televisão e as estratégias de comunicação de saúde pública em Portugal

Translated title of the contribution: The Covid-19 pandemic on television and public health communication strategies in Portugal

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapterpeer-review

2 Downloads (Pure)

Abstract

A pandemia de Covid-19 decalcou, em grande parte, a geografia espacial e macroeconômica da globalização. Em simultâneo, revelou como as orientações políticas e econômicas influenciam as opções na prevenção e gestão da saúde. Para a concretização destas medidas são fulcrais as estratégias e dispositivos comunicacionais de governos e autoridades sanitárias, assim como a sua capacidade para influenciar a agenda dos media dominantes. Com o cenário da pandemia por fundo, este artigo objetiva refletir sobre as estratégias de comunicação utilizadas pelo governo português na gestão desta crise e os seus reflexos na cobertura jornalística televisiva. A temporalidade do estudo corresponde aos três primeiros meses da propagação do vírus em Portugal. Na “Introdução”, traça-se o contexto global e português que envolve a pandemia. No “Enquadramento”, sintetizam-se tendências e estratégias de comunicação de organizações internacionais e nacionais. Utiliza-se uma metodologia de análise de conteúdo, quantitativa e qualitativa, com base em categorias unívocas pré-determinadas sistematizadas no programa
Excel. Os resultados são apresentados, discutidos e interpretados com a finalidade de identificar o impacto das estratégias de comunicação das instituições de saúde pública sobre a cobertura jornalística da pandemia.

The Covid-19 pandemic shaped, largely, the spatial and macroeconomic geography of globalization. At the same time, it revealed how political and economic guidelines influence health
prevention and management options. For the implementation of these measures, are crucial the communication strategies and devices of governments and health authorities, as well as their capacity to influence the dominant media agenda. In a pandemic background, this article aims to reflect on the communication strategies used by the Portuguese government in the management of this crisis and its reflexes in television news coverage. In the “Introduction”, we outline the global and Portuguese context surrounding the pandemic. In the “Framework”, trends and communication strategies of international and national organizations are synthesized. A quantitative and qualitative content analysis methodology is used, based on pre-determined univocal categories systematized in the Excel program. The results are 188 LEIASS – Linha Editorial Internacional de Apoio aos Sistemas de Saúde presented, discussed, and interpreted with the aim of identifying the impact of public health institutions’ communication strategies on the news coverage of the pandemic.
Translated title of the contributionThe Covid-19 pandemic on television and public health communication strategies in Portugal
Original languagePortuguese
Title of host publicationDiálogos continentais sobre comunicação em saúde em tempos de pandemia
EditorsAna Valéria M. Mendonça, Fernando Passos Cupertino de Barros, Zulmira Hartz
Place of PublicationBrasília
PublisherLinha Editorial Internacional de Apoio aos Sistemas de Saúde – LEIASS
Chapter11
Pages186-207
Number of pages22
Volume6
ISBN (Print)987-65-88631-13-3
Publication statusPublished - 2021

Keywords

  • Cobertura televisiva da pandemia
  • Comunicação de saúde pública
  • Covid-19
  • Portugal
  • Jornalismo
  • Influenza
  • Vaccination
  • Nurses
  • Hospital
  • Communication

Fingerprint

Dive into the research topics of 'The Covid-19 pandemic on television and public health communication strategies in Portugal'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this