Deslizamentos de terras

Translated title of the contribution: Soil slides

Research output: Other contribution

Abstract

Após um inverno com períodos de chuvas contínuos e na sequência de um ano de seca, surgiram notícias na imprensa deste ano de “deslizamentos de terras” em Portugal, de que se salientam um em março na Praia da Ursa, em Sintra, onde se registou uma vítima mortal, e outros no norte do país, nomeadamente cinco descarrilamentos com interrupções da linha ferroviária nos primeiros quatro meses do ano, sem vítimas, mas apenas com danos económicos.
Os movimentos de uma massa de solos, detritos ou rochas ao longo de um talude - “deslizamentos de terras” - podem resultar de um conjunto de alterações externas, naturais ou antrópicas. Com este artigo pretende-se esclarecer, sucintamente, alguns dos fenómenos de instabilidade mais impactantes abrangidos por aquela designação e as suas causas.
Os “deslizamentos”, em linguagem não técnica, como em apólices de seguro que garantem bens que possam ser afectados por
fenómenos naturais, abrangem um conjunto de ocorrências designadas em engenharia de movimentos de massa. Sob o ponto de vista geotécnico, interessam predominantemente terrenos naturais – vertentes e arribas em solos ou maciços rochosos, e taludes criados pelo Homem, na sequência de cortes no terreno
ou de aterros construídos para os fins mais diversos.
Original languagePortuguese
TypeArticle
Media of outputNewsletter
PublisherEngenho e Média, Lda.
Number of pages2
Publication statusPublished - 15 Jun 2018

Publication series

NameIndústria e Ambiente
PublisherEngenho e Média, Lda.
No.maio/junho
Volume110
ISSN (Print)1645-1783

Fingerprint Dive into the research topics of 'Soil slides'. Together they form a unique fingerprint.

  • Cite this

    Silva, P. F. D. (2018, Jun 15). Deslizamentos de terras. Engenho e Média, Lda.