Rumo à Vitória: O Partido Comunista Português e a luta armada

Research output: Contribution to journalArticle

Abstract

A proposta deste artigo é refletir sobre a defesa da via do “levantamento nacional armado” para o derrube da ditadura portuguesa, defendida pelo Partido Comunista Português, desde o seu I Congresso Ilegal, em 1943, mas teorizada por Álvaro Cunhal apenas em 1964, na sua obra Rumo à Vitória, o mais importante contributo teórico e político à linha do PCP nos anos de clandestinidade. Procuramos refletir sobre os motivos que levaram o PCP a ser o único Partido Comunista da Europa Ocidental a defender e a enveredar pela luta armada, e analisar o longo processo de constituição da sua organização armada, a ARA.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)1-20
Number of pages20
JournalRevista Contemporânea
Volume1
Issue number9
Publication statusPublished - 2018

Keywords

  • Partido Comunista Português, luta armada, violência política

Cite this