Rua do Comércio nº 1 a 13, Lisboa: metamorfose espacial

Alexandra Krus, Isabel Cameira , Márcio Martingil Antunes

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contribution

158 Downloads (Pure)

Abstract

O presente artigo incide sobre os testemunhos arqueológicos encontrados durante os trabalhos de escavação na Rua do Comércio nº 1 a 13, em Lisboa, ocorridos entre os anos de 2013 e 2015. O edifício localiza-se na Baixa Pombalina, mandada construir após o terramoto de Lisboa de 1755. Durante o século XX teve como inquilinos diversas sociedades industriais, nomeadamente a loja/depósito das “Fábricas Triunfo”, cujo testemunho sobrevive através das suas placas publicitárias em mármore, ainda observável num dos cunhais do edifício. De acordo com A. Vieira da Silva, seria esta a localização do antigo largo do Pelourinho. Os testemunhos arqueológicos parecem confirmar esta informação, visto ter surgido uma grande área calcetada com seixo de rio de pequena e média dimensão, no interior do edifício. Foram ainda identificados os vestígios das estruturas que confinavam com o Largo do Pelourinho, sendo que uma delas poderá corresponder, de acordo com as plantas de Vieira da Silva, a remanescentes da antiga Alfândega Velha. Osmateriais arqueológicos recolhidos durante a intervenção, corroboram com esta diacronia ocupacional do espaço e inserem-se essencialmente, no hiato temporal compreendido entre os séculos XIII a XVII.This article focuses on the archaeological remains found during excavations works in Rua do Comércio nº 1 a 13, Lisbon,between the years 2013 and 2015.This building is located at Baixa Pombalina, built after the Lisbon earthquake of 1755. During the twentieth century hadas tenants several industrial societies, including the store/warehouse of Fábricas Triunfo whose testimony survives through itsadvertising boards made in marble, still present in one of the corners of the building itself. According to A. Vieira da Silva, this would be the location of the old Largo do Pelourinho.

The archaeological evidences seemto confirm this information, a large area paved with small and medium size river pebble, was found inside the building.There were also identified the traces of the structures that bordered the Largo do Pelourinho, one of which may correspond,according to the plans of Vieira da Silva, to the remains of the former Alfândega Velha. The archaeological materials collectedduring the intervention, corroborate this occupational diachronic space and are essentially part of the time gap between the XIIIand the XVII centuries.
Original languagePortuguese
Title of host publicationI Encontro de Arqueologia de Lisboa
Subtitle of host publicationUma cidade em escavação
EditorsAna Caessa, Cristina Nozes, Isabel Cameira, Rodrigo Banha da Silva
Place of PublicationLisboa
PublisherCentro de Arqueologia de Lisboa (CAL)
Pages414-424
Number of pages11
ISBN (Print)978-972-8543-46-4
Publication statusPublished - 2017
EventI Encontro de Arqueologia de Lisboa: Uma cidade em escavação - Teatro Aberto, Lisboa, Portugal
Duration: 26 Nov 201527 Nov 2015

Conference

ConferenceI Encontro de Arqueologia de Lisboa
CountryPortugal
CityLisboa
Period26/11/1527/11/15

Keywords

  • Largo do Pelourinho
  • Lisboa
  • Medieval
  • Moderno
  • Lisbon
  • Modern

Cite this