Representação da fronteira em Ruy Duarte de Carvalho

Translated title of the contribution: Representation of the border in Ruy Duarte de Carvalho

Research output: Contribution to journalConference articlepeer-review

29 Downloads (Pure)

Abstract

Num contexto constante de circulações, de passagens entre fronteiras, bem como entre géne-ros literários diferenciados, Ruy Duarte de Carvalho metamorfoseia a produção discursiva em documento vantajoso para os estudiosos da cultura. Nele encontramos, através de uma repre-sentatividade concreta uma forma de estar no mundo angolano, e, em inferência um outro modo de expressar, conhecer, projectar, executar e representar fronteiras. Esse processo particular da literatura e do respectivo autor em questão exprime com vocábulos, gestos, reflexos às suas experiências de um homem viator atento, portanto um olhar em paisagens literárias. Essa paisa-gem apresenta-se como um instrumento oblíquo de transculturação que pode encurtar olhares, mundos e fronteiras. O trabalho com a realidade é visível através de um sistema de represen-tação material arquivístico e dinâmico, no qual se pode reinscrever vestígios de memória e de espaços colectivos. Esse procedimento memorio-discursivo é uma forma de reapropriar lugares, organizar sentidos, discursos em tempos pretéritos, e uma forma de representar a paisagem e o espaço do sul de Angola.
Translated title of the contributionRepresentation of the border in Ruy Duarte de Carvalho
Original languagePortuguese
Pages (from-to)432-439
Number of pages8
JournalForma Breve. Revista de Literatura
Volume13
DOIs
Publication statusPublished - 2016
EventCongresso Internacional Exodus: Migrações e Fronteiras - Universidade de Aveiro, Aveiro, Portugal
Duration: 21 Sep 201623 Sep 2016
https://blogs.ua.pt/exodus/index.php/pt/apresentacao/
http://blogs.ua.pt/exodus/index.php/pt/

Keywords

  • Angola
  • Ruy Duarte de Carvalho
  • produção literária
  • paisagens
  • fronteiras
  • memória

Fingerprint

Dive into the research topics of 'Representation of the border in Ruy Duarte de Carvalho'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this