Recriações do passado, memórias e identificações locais: o caso do general Prim em Barrancos

Research output: Contribution to journalArticle

41 Downloads (Pure)

Abstract

Neste artigo questiono de que forma a figura do general Joan Prim i Prats (Reus, 1814-Madrid, 1870) serve para legitimar relações de ordem política e social no presente, a partir da seleção de fragmentos que conduzem à (re)construção da história e da memória das sociedades ibéricas. A partir de fontes documentais e bibliográficas, entrelaçadas numa etnografia intensiva desenvolvida na raia do Baixo Alentejo, analiso os usos políticos do passado em Barrancos, vinculados a lutas pela liberdade e pela democracia como inspiração para as gerações futuras. A dimensão cultural e simbólica da fronteira apresentase como o epicentro de uma memória social recriada por agentes sociais significativos, que se adaptam e resistem às variações intermináveis dos tempos históricos, sem abdicarem dos valores comunais como projecto de futuro.

In this article I question how the figure of General Joan Prim i Prats (Reus, 1814-Madrid, 1870) serves to legitimize relations of social and political order in the present, taking into account the selection of fragments that lead to the (re) construction of the history and memory of Iberian societies. From documentary and bibliographic sources, intertwined in an intensive ethnography developed in the raya of Baixo Alentejo, I analyze the political uses of the past in Barrancos, linked to struggles for freedom and democracy, as an inspiration for future generations. The cultural and symbolic dimension of the border presents itself as the epicenter of a social memory recreated by significant social agents that adapt and resist the endless variations of historical times, without foregoing communal values as a future project.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)1957-1986
Number of pages30
JournalRevista de Estúdios Extremeños.
VolumeTomo LXXII
Issue numberII
Publication statusPublished - 2016

Keywords

  • fronteira hispano-portuguesa
  • usos políticos do passado
  • memória colectiva
  • iberismo
  • General Joan Prim y Prats
  • Barrancos (Baixo Alentejo)
  • Portuguese-Spanish border
  • uses politicians of the past
  • collective memory
  • Iberianism

Cite this