O Porto do Mindelo no trabalho forçado nas roças de S. Tomé: uma ligação atlântica

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contributionpeer-review

7 Downloads (Pure)

Abstract

A seca, a fome e a monotonia criaram nos cabo-verdianos a necessidade de procurarem alternativas para os seus problemas do dia-a-dia, usando o Porto do Mindelo como local ideal para a transposição do “horizonte” caboverdiano. Na procura ininterrupta de soluções para essas agruras, a governação portuguesa estimulou a emigração para S. Tomé e Príncipe, que só de forma ilusória resolveu os seus problemas, conforme tivemos a oportunidade
de constatar aquando de uma missão de investigação que realizamos no país, no âmbito do projeto CONCHA. Assim, pretendemos, com esta comunicação, abordar alguns vestígios do quotidiano de alguns cabo-verdianos em
algumas roças de S. Tomé.
Original languagePortuguese (Brazil)
Title of host publicationAtas 38.º Colóquio da Lusofonia
Editors J. C. C. Chrystello
PublisherAssociação Internacional dos Colóquios da Lusofonia
Chapter1
Pages105-109
Number of pages4
ISBN (Print)978-989-8607-20-1
Publication statusPublished - 2023
Event38.º Colóquio da Lusofonia - Ribeira Grande, S. Miguel, Açores, Portugal
Duration: 4 Oct 20238 Oct 2023

Conference

Conference38.º Colóquio da Lusofonia
Country/TerritoryPortugal
CityRibeira Grande, S. Miguel, Açores
Period4/10/238/10/23

Keywords

  • Cabo Verde
  • São Tomé e Príncipe
  • Cabo-verdianos
  • Contratação
  • Exploração

Cite this