O Festival Musidanças: uma análise discursiva da programação e dos manifestos (2001-2012)

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapterpeer-review

1 Downloads (Pure)

Abstract

How does the festival Musidanças, that promotes Portuguese-speaking migrant musicians in Lisbon, conceive its surrounding community, and how does it mobilize or question existing structures and resources? How does Musidanças manage its identity narratives in constructing cultural memory? Through an analysis of its programming and manifestos (2001-2012), this presentation intends to articulate a reflection on the way in which Musidanças (re)constructs the idea of Lusofonia in promoting intercultural dialogue and social inclusion. Specifically, my purpose is to introduce the analysis of how and to what extent
Musidanças mobilizes cultural traditions and develops structures for their advancement, thus constituting a place of transnational identification and debate. This presentation aims to offer a better practical understanding of some musical protagonists in Lisbon, through which the Portuguese-speaking community is perceived as a genuine form of representation.

Como é que o festival Musidanças, que promove músicos migrantes de língua portuguesa em Lisboa, concebe a sua comunidade envolvente, e de que maneira é que mobiliza ou questiona estruturas e recursos existentes? Como é que o Musidanças administra as suas narrativas identitárias para construir memória cultural? Através duma análise da programação e dos discursos desenvolvidos pelo festival (2001-2012), esta comunicação pretende articular uma reflexão sobre a forma com a qual Musidanças (re)constrói a ideia de Lusofonia na
promoção do diálogo intercultural e da inserção social. Especificamente, o propósito é introduzir a análise de como e em que dimensão Musidanças mobiliza tradições culturais e desenvolve estruturas para seu avanço, constituindo assim um local de identificação e debate transnacional.
Este artigo pretende oferecer um melhor entendimento dos protagonistas musicais de Lisboa, pelos quais a comunidade lusófona é percebida como uma genuína forma de representação.
Original languagePortuguese
Title of host publicationInterfaces da Lusofonia
EditorsM. L. Martins, R. Cabecinhas , L. Macedo, I. Macedo
Place of PublicationBraga
PublisherCECS- Centro de Estudos Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho
Pages167-181
Number of pages15
ISBN (Print)978-989-8600-21-9
Publication statusPublished - 1 Jan 2014

Keywords

  • Lusofonia
  • Music
  • Migration
  • Discourse
  • Governance
  • Música
  • Migração
  • Discurso
  • Governação

Cite this