O Estado Novo na promoção e implementação de bairros de habitação social na cidade de Lisboa

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapter

Abstract

O presente trabalho tem como objectivo analisar as principais políticas e iniciativas protagonizadas pelo Estado Novo (1933-1974) no âmbito da promoção de habitação social. Em síntese, pretende-se compreender temporalmente quais foram as singularidades das opções tomadas pela administração pública face ao crescimento demográfico e urbano da cidade de Lisboa desde 1933 até ao 25 de Abril de 1974. A pertinência do trabalho consubstancia-se na periodização da actuação, assim como na análise de como o Estado Novo compreendia a tarefa de fazer cidade e, em especial, de como foi hábil a reformar as suas políticas e programas conforme a conjectura política, social, cultural e económica.
Original languageUnknown
Title of host publication‘A JANGADA DE PEDRA’ – Geografias Ibero-Afro-Americanas. Atas do Colóquio Ibérico de Geografia
EditorsAntónio Vieira E Rui Pedro Julião
Place of PublicationGuimarães
PublisherEDIÇÃO Associação Portuguesa de Geógrafos e Departamento de Geografia da Universidade do Minho
Pages1027-1032
ISBN (Print)978-972-99436-8-3 / 978-989-97394-6-8
Publication statusPublished - 1 Jan 2014

Cite this

Julião, R. P. S. P. M., Soares, N. H. P., Lúcio, J. M. R., & Antunes, G. (2014). O Estado Novo na promoção e implementação de bairros de habitação social na cidade de Lisboa. In A. V. E. R. P. Julião (Ed.), ‘A JANGADA DE PEDRA’ – Geografias Ibero-Afro-Americanas. Atas do Colóquio Ibérico de Geografia (pp. 1027-1032). Guimarães: EDIÇÃO Associação Portuguesa de Geógrafos e Departamento de Geografia da Universidade do Minho.