O acervo histórico do Mosteiro de Arouca: recuperação e catalogação

Research output: Contribution to conferenceAbstract

Abstract

O Mosteiro de Arouca conserva, um grupo de manuscritos litúrgicos e impressos datáveis entre os séculos XII e XIX, de grande importância, cuja inventariação permaneceu incompleta até à data. Entre Setembro de 2015 e Outubro de 2016 decorreu a primeira fase de um projecto financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian e levado a cabo numa parceria entre a Real Irmandade da Rainha Santa Mafalda, o Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical e o Instituto de Etnomusicologia – Música e Dança da FCSH/NOVA, sob a coordenação científica e executiva do Professor Doutor Manuel Pedro Ferreira.
Cumprindo os objectivos deste projecto, foi feita a inventariação (e reorganização com o devido acondicionamento e identificação dos espécimes); digitalização; catalogação dos manuscritos e impressos; e restauro de um códice polifónico de c. 1610-20. Ainda como consequência deste projecto foi restaurado um breviário bracarense de 1494 e um fragmento visigótico nele contido, bem como, foi feita a higienização de todos os impressos e o tratamento da documentação avulsa.
Original languagePortuguese
Publication statusPublished - 2017
EventInterdisciplinary Conference on Iberian Manuscripts - Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Lisbon, Portugal
Duration: 19 Oct 201721 Oct 2017

Conference

ConferenceInterdisciplinary Conference on Iberian Manuscripts
CountryPortugal
CityLisbon
Period19/10/1721/10/17

Keywords

  • Manuscritos litúrgicos
  • Música
  • Expurgo
  • Higienização
  • Recuperação
  • Digitalização
  • Catalogação
  • Conservação
  • Real Irmandade da Rainha Santa Mafalda
  • Mosteiro de Arouca

Cite this

Baptista, A., Chaves, Z., & Silva, C. (2017). O acervo histórico do Mosteiro de Arouca: recuperação e catalogação. Abstract from Interdisciplinary Conference on Iberian Manuscripts, Lisbon, Portugal.