Nós na Rede: Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods

Research output: Contribution to conferencePaper

Abstract

Na senda das BBS e da Usenet, os grupos do Facebook são atualmente, por um efeito de arrasto da popularidade desta rede social online, locais privilegiados de discussão orientada em torno de temas e interesses comuns. Apesar da sua omnipresença, e ao contrário dos perfis individuais e das páginas institucionais, a análise dos seus fluxos de interacção tem ocupado um lugar secundário na pesquisa académica. E nesta os métodos mais clássicos, mesmo que adaptados ao meio (da etnografia para a netnografia, por exemplo), têm dominado. O que se propõe aqui é, recorrendo a ferramentas de recolha e visualização de dados, de que são exemplo o Netvizz e o Gephi, demonstrar o modo como as metodologias computacionais, inspiradas na Teoria das Redes e na Análise de Redes Sociais, potenciam práticas de pesquisa que, ao apresentarem uma homologia com os próprios meios que são o seu objeto, permitem – tomando os utilizadores e suas acções (posts e comentários) como nós de um grafo – recolher informação tanto ou mais repleta de significado acerca do modo como aí se interage. Tomaremos como estudo de caso dois grupos, respetivamente
dedicados à partilha e discussão de música e de cinema, focando-nos – com o auxílio dessas ferramentas – no modo como aí participam e interagem. Recorrendo a diversas ferramentas dos Métodos Digitais, procura-se, de forma exploratória, apurar quais as variáveis relevantes para a compreensão destes casos específicos, nomeadamente no que respeita à existência de utilizadores mais influentes, formulando hipóteses para futuras análises mais aprofundadas.
Original languagePortuguese
Pages81-98
Number of pages18
Publication statusPublished - 2015
EventIX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais - Universidade Coimbra, Coimbra, Portugal
Duration: 12 Nov 201514 Nov 2015

Conference

ConferenceIX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais
CountryPortugal
CityCoimbra
Period12/11/1514/11/15

Keywords

  • métodos digitais
  • Facebook
  • exploratory data analysis
  • grupos
  • envolvimento
  • teoria das redes

Cite this

Rosa, J. M. M., & Omena, J. (2015). Nós na Rede: Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods. 81-98. Paper presented at IX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais, Coimbra, Portugal.
Rosa, Jorge Manuel Martins ; Omena, Janna. / Nós na Rede : Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods. Paper presented at IX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais, Coimbra, Portugal.18 p.
@conference{d9a113781bb9455b8937306dd2882f30,
title = "N{\'o}s na Rede: Conex{\~a}o e participa{\cc}{\~a}o em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods",
abstract = "Na senda das BBS e da Usenet, os grupos do Facebook s{\~a}o atualmente, por um efeito de arrasto da popularidade desta rede social online, locais privilegiados de discuss{\~a}o orientada em torno de temas e interesses comuns. Apesar da sua omnipresen{\cc}a, e ao contr{\'a}rio dos perfis individuais e das p{\'a}ginas institucionais, a an{\'a}lise dos seus fluxos de interac{\cc}{\~a}o tem ocupado um lugar secund{\'a}rio na pesquisa acad{\'e}mica. E nesta os m{\'e}todos mais cl{\'a}ssicos, mesmo que adaptados ao meio (da etnografia para a netnografia, por exemplo), t{\^e}m dominado. O que se prop{\~o}e aqui {\'e}, recorrendo a ferramentas de recolha e visualiza{\cc}{\~a}o de dados, de que s{\~a}o exemplo o Netvizz e o Gephi, demonstrar o modo como as metodologias computacionais, inspiradas na Teoria das Redes e na An{\'a}lise de Redes Sociais, potenciam pr{\'a}ticas de pesquisa que, ao apresentarem uma homologia com os pr{\'o}prios meios que s{\~a}o o seu objeto, permitem – tomando os utilizadores e suas ac{\cc}{\~o}es (posts e coment{\'a}rios) como n{\'o}s de um grafo – recolher informa{\cc}{\~a}o tanto ou mais repleta de significado acerca do modo como a{\'i} se interage. Tomaremos como estudo de caso dois grupos, respetivamentededicados {\`a} partilha e discuss{\~a}o de m{\'u}sica e de cinema, focando-nos – com o aux{\'i}lio dessas ferramentas – no modo como a{\'i} participam e interagem. Recorrendo a diversas ferramentas dos M{\'e}todos Digitais, procura-se, de forma explorat{\'o}ria, apurar quais as vari{\'a}veis relevantes para a compreens{\~a}o destes casos espec{\'i}ficos, nomeadamente no que respeita {\`a} exist{\^e}ncia de utilizadores mais influentes, formulando hip{\'o}teses para futuras an{\'a}lises mais aprofundadas.",
keywords = "m{\'e}todos digitais, Facebook, exploratory data analysis, grupos, envolvimento, teoria das redes",
author = "Rosa, {Jorge Manuel Martins} and Janna Omena",
year = "2015",
language = "Portuguese",
pages = "81--98",
note = "null ; Conference date: 12-11-2015 Through 14-11-2015",

}

Rosa, JMM & Omena, J 2015, 'Nós na Rede: Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods' Paper presented at IX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais, Coimbra, Portugal, 12/11/15 - 14/11/15, pp. 81-98.

Nós na Rede : Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods. / Rosa, Jorge Manuel Martins; Omena, Janna.

2015. 81-98 Paper presented at IX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais, Coimbra, Portugal.

Research output: Contribution to conferencePaper

TY - CONF

T1 - Nós na Rede

T2 - Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods

AU - Rosa, Jorge Manuel Martins

AU - Omena, Janna

PY - 2015

Y1 - 2015

N2 - Na senda das BBS e da Usenet, os grupos do Facebook são atualmente, por um efeito de arrasto da popularidade desta rede social online, locais privilegiados de discussão orientada em torno de temas e interesses comuns. Apesar da sua omnipresença, e ao contrário dos perfis individuais e das páginas institucionais, a análise dos seus fluxos de interacção tem ocupado um lugar secundário na pesquisa académica. E nesta os métodos mais clássicos, mesmo que adaptados ao meio (da etnografia para a netnografia, por exemplo), têm dominado. O que se propõe aqui é, recorrendo a ferramentas de recolha e visualização de dados, de que são exemplo o Netvizz e o Gephi, demonstrar o modo como as metodologias computacionais, inspiradas na Teoria das Redes e na Análise de Redes Sociais, potenciam práticas de pesquisa que, ao apresentarem uma homologia com os próprios meios que são o seu objeto, permitem – tomando os utilizadores e suas acções (posts e comentários) como nós de um grafo – recolher informação tanto ou mais repleta de significado acerca do modo como aí se interage. Tomaremos como estudo de caso dois grupos, respetivamentededicados à partilha e discussão de música e de cinema, focando-nos – com o auxílio dessas ferramentas – no modo como aí participam e interagem. Recorrendo a diversas ferramentas dos Métodos Digitais, procura-se, de forma exploratória, apurar quais as variáveis relevantes para a compreensão destes casos específicos, nomeadamente no que respeita à existência de utilizadores mais influentes, formulando hipóteses para futuras análises mais aprofundadas.

AB - Na senda das BBS e da Usenet, os grupos do Facebook são atualmente, por um efeito de arrasto da popularidade desta rede social online, locais privilegiados de discussão orientada em torno de temas e interesses comuns. Apesar da sua omnipresença, e ao contrário dos perfis individuais e das páginas institucionais, a análise dos seus fluxos de interacção tem ocupado um lugar secundário na pesquisa académica. E nesta os métodos mais clássicos, mesmo que adaptados ao meio (da etnografia para a netnografia, por exemplo), têm dominado. O que se propõe aqui é, recorrendo a ferramentas de recolha e visualização de dados, de que são exemplo o Netvizz e o Gephi, demonstrar o modo como as metodologias computacionais, inspiradas na Teoria das Redes e na Análise de Redes Sociais, potenciam práticas de pesquisa que, ao apresentarem uma homologia com os próprios meios que são o seu objeto, permitem – tomando os utilizadores e suas acções (posts e comentários) como nós de um grafo – recolher informação tanto ou mais repleta de significado acerca do modo como aí se interage. Tomaremos como estudo de caso dois grupos, respetivamentededicados à partilha e discussão de música e de cinema, focando-nos – com o auxílio dessas ferramentas – no modo como aí participam e interagem. Recorrendo a diversas ferramentas dos Métodos Digitais, procura-se, de forma exploratória, apurar quais as variáveis relevantes para a compreensão destes casos específicos, nomeadamente no que respeita à existência de utilizadores mais influentes, formulando hipóteses para futuras análises mais aprofundadas.

KW - métodos digitais

KW - Facebook

KW - exploratory data analysis

KW - grupos

KW - envolvimento

KW - teoria das redes

M3 - Paper

SP - 81

EP - 98

ER -

Rosa JMM, Omena J. Nós na Rede: Conexão e participação em dois grupos do Facebook a partir dos Digital Methods. 2015. Paper presented at IX Congresso da SopCom: Comunicação e Transformações Sociais, Coimbra, Portugal.