Modelagem geográfica e energias renováveis

Aplicações para apoio à decisão na identificação de áreas potenciais

Translated title of the contribution: Modeling Geographic and Renewable Energies: Applications for Decision Support in Identifying Potential Areas

Rui Pedro Sousa Pereira Monteiro Julião, Vivian da Silva Celestino

Research output: Contribution to journalArticle

Abstract

A redução da emissão de Gases com Efeito de Estufa, designadamente CO2, é um compromisso global que tem vindo a ganhar preponderância e as fontes eólica, hídrica e solar, são cada vez mais uma alternativa à produção de
energia a partir de combustíveis fósseis, mas a sua exploração também não está isenta de conflitos. A modelagem geográfica surge como ferramenta essencial para melhor determinar quais as áreas com maior potencial para
viabilizar economicamente a exploração destas fontes alternativas, sem comprometer o meio. Foram concebidos e desenvolvidos modelos conceituais de análise espacial, segundo o padrão OMT-G e modelos operacionais em
ModelBuilder (implementação efetuada com tecnologia ArcGIS da ESRI). Efetuou-se uma aplicação de teste na região centro de Portugal Continental. Este artigo irá discutir quatro aspectos essenciais que são o enquadramento e pertinência da metodologia; os princípios básicos da modelagem geográfica aplicados às fontes de energias renováveis; a construção dos modelos conceitual, lógico e físico; e a aplicação à área de teste. Os resultados obtidos permitiram comprovar a viabilidade da metodologia preconizada e, simultaneamente, criar um conjunto de recomendações para melhorar as condições de aplicação dos modelos e incrementar a qualidade dos resultados obtidos.

Reducing the emission of gases with greenhouse effect, in particular CO2, is a global commitment that has gained prevalence and wind, hydro and solar, are increasingly an alternative to energy production from fossil fuels, but its operation is also not free from conflict. Geographic modeling emerges as an essential tool to better determine which areas have the greatest potential for economically viable exploitation of these alternative sources without compromising the environment. Conceptual models for spatial analysis were designed and developed, according to the standard OMT-G, and operational models in ModelBuilder (implementation done with ESRI's ArcGIS technology). A test application was carried out in the center region of Portugal. This paper will discuss four key issues that are the framework and relevance of the methodology; the basic principles of geographic modeling applied to renewable energy sources; the construction of conceptual, logical and physical models; and the application to the test area. Achieved results allowed to prove the viability of the proposed methodology and simultaneously create a set of recommendations to improve the conditions of application of the models and increase the quality of results.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)1-15
Number of pages15
JournalAnais COBRAC
Publication statusPublished - 2016

Fingerprint

modeling
energy
methodology
greenhouse effect
spatial analysis
gas
fossil fuel
viability
decision
test
renewable energy source
recommendation
energy production
conflict

Keywords

  • Energias renováveis
  • Sistemas de Informação Geográfica (SIG)
  • Modelagem Geográfica
  • Renewable energies
  • Geographic Information Systems (GIS)
  • Geographic Modeling

Cite this

@article{05e34b4f36bd41f391524349301b84bd,
title = "Modelagem geogr{\'a}fica e energias renov{\'a}veis: Aplica{\cc}{\~o}es para apoio {\`a} decis{\~a}o na identifica{\cc}{\~a}o de {\'a}reas potenciais",
abstract = "A redu{\cc}{\~a}o da emiss{\~a}o de Gases com Efeito de Estufa, designadamente CO2, {\'e} um compromisso global que tem vindo a ganhar preponder{\^a}ncia e as fontes e{\'o}lica, h{\'i}drica e solar, s{\~a}o cada vez mais uma alternativa {\`a} produ{\cc}{\~a}o deenergia a partir de combust{\'i}veis f{\'o}sseis, mas a sua explora{\cc}{\~a}o tamb{\'e}m n{\~a}o est{\'a} isenta de conflitos. A modelagem geogr{\'a}fica surge como ferramenta essencial para melhor determinar quais as {\'a}reas com maior potencial paraviabilizar economicamente a explora{\cc}{\~a}o destas fontes alternativas, sem comprometer o meio. Foram concebidos e desenvolvidos modelos conceituais de an{\'a}lise espacial, segundo o padr{\~a}o OMT-G e modelos operacionais emModelBuilder (implementa{\cc}{\~a}o efetuada com tecnologia ArcGIS da ESRI). Efetuou-se uma aplica{\cc}{\~a}o de teste na regi{\~a}o centro de Portugal Continental. Este artigo ir{\'a} discutir quatro aspectos essenciais que s{\~a}o o enquadramento e pertin{\^e}ncia da metodologia; os princ{\'i}pios b{\'a}sicos da modelagem geogr{\'a}fica aplicados {\`a}s fontes de energias renov{\'a}veis; a constru{\cc}{\~a}o dos modelos conceitual, l{\'o}gico e f{\'i}sico; e a aplica{\cc}{\~a}o {\`a} {\'a}rea de teste. Os resultados obtidos permitiram comprovar a viabilidade da metodologia preconizada e, simultaneamente, criar um conjunto de recomenda{\cc}{\~o}es para melhorar as condi{\cc}{\~o}es de aplica{\cc}{\~a}o dos modelos e incrementar a qualidade dos resultados obtidos.Reducing the emission of gases with greenhouse effect, in particular CO2, is a global commitment that has gained prevalence and wind, hydro and solar, are increasingly an alternative to energy production from fossil fuels, but its operation is also not free from conflict. Geographic modeling emerges as an essential tool to better determine which areas have the greatest potential for economically viable exploitation of these alternative sources without compromising the environment. Conceptual models for spatial analysis were designed and developed, according to the standard OMT-G, and operational models in ModelBuilder (implementation done with ESRI's ArcGIS technology). A test application was carried out in the center region of Portugal. This paper will discuss four key issues that are the framework and relevance of the methodology; the basic principles of geographic modeling applied to renewable energy sources; the construction of conceptual, logical and physical models; and the application to the test area. Achieved results allowed to prove the viability of the proposed methodology and simultaneously create a set of recommendations to improve the conditions of application of the models and increase the quality of results.",
keywords = "Energias renov{\'a}veis, Sistemas de Informa{\cc}{\~a}o Geogr{\'a}fica (SIG), Modelagem Geogr{\'a}fica, Renewable energies, Geographic Information Systems (GIS), Geographic Modeling",
author = "Juli{\~a}o, {Rui Pedro Sousa Pereira Monteiro} and Celestino, {Vivian da Silva}",
note = "info:eu-repo/grantAgreement/FCT/5876/147304/PT# UID/SOC/04647/2013",
year = "2016",
language = "Portuguese",
pages = "1--15",
journal = "Anais COBRAC",
issn = "1980-4520",
publisher = "Universidade Federal de Santa Catarina",

}

TY - JOUR

T1 - Modelagem geográfica e energias renováveis

T2 - Aplicações para apoio à decisão na identificação de áreas potenciais

AU - Julião, Rui Pedro Sousa Pereira Monteiro

AU - Celestino, Vivian da Silva

N1 - info:eu-repo/grantAgreement/FCT/5876/147304/PT# UID/SOC/04647/2013

PY - 2016

Y1 - 2016

N2 - A redução da emissão de Gases com Efeito de Estufa, designadamente CO2, é um compromisso global que tem vindo a ganhar preponderância e as fontes eólica, hídrica e solar, são cada vez mais uma alternativa à produção deenergia a partir de combustíveis fósseis, mas a sua exploração também não está isenta de conflitos. A modelagem geográfica surge como ferramenta essencial para melhor determinar quais as áreas com maior potencial paraviabilizar economicamente a exploração destas fontes alternativas, sem comprometer o meio. Foram concebidos e desenvolvidos modelos conceituais de análise espacial, segundo o padrão OMT-G e modelos operacionais emModelBuilder (implementação efetuada com tecnologia ArcGIS da ESRI). Efetuou-se uma aplicação de teste na região centro de Portugal Continental. Este artigo irá discutir quatro aspectos essenciais que são o enquadramento e pertinência da metodologia; os princípios básicos da modelagem geográfica aplicados às fontes de energias renováveis; a construção dos modelos conceitual, lógico e físico; e a aplicação à área de teste. Os resultados obtidos permitiram comprovar a viabilidade da metodologia preconizada e, simultaneamente, criar um conjunto de recomendações para melhorar as condições de aplicação dos modelos e incrementar a qualidade dos resultados obtidos.Reducing the emission of gases with greenhouse effect, in particular CO2, is a global commitment that has gained prevalence and wind, hydro and solar, are increasingly an alternative to energy production from fossil fuels, but its operation is also not free from conflict. Geographic modeling emerges as an essential tool to better determine which areas have the greatest potential for economically viable exploitation of these alternative sources without compromising the environment. Conceptual models for spatial analysis were designed and developed, according to the standard OMT-G, and operational models in ModelBuilder (implementation done with ESRI's ArcGIS technology). A test application was carried out in the center region of Portugal. This paper will discuss four key issues that are the framework and relevance of the methodology; the basic principles of geographic modeling applied to renewable energy sources; the construction of conceptual, logical and physical models; and the application to the test area. Achieved results allowed to prove the viability of the proposed methodology and simultaneously create a set of recommendations to improve the conditions of application of the models and increase the quality of results.

AB - A redução da emissão de Gases com Efeito de Estufa, designadamente CO2, é um compromisso global que tem vindo a ganhar preponderância e as fontes eólica, hídrica e solar, são cada vez mais uma alternativa à produção deenergia a partir de combustíveis fósseis, mas a sua exploração também não está isenta de conflitos. A modelagem geográfica surge como ferramenta essencial para melhor determinar quais as áreas com maior potencial paraviabilizar economicamente a exploração destas fontes alternativas, sem comprometer o meio. Foram concebidos e desenvolvidos modelos conceituais de análise espacial, segundo o padrão OMT-G e modelos operacionais emModelBuilder (implementação efetuada com tecnologia ArcGIS da ESRI). Efetuou-se uma aplicação de teste na região centro de Portugal Continental. Este artigo irá discutir quatro aspectos essenciais que são o enquadramento e pertinência da metodologia; os princípios básicos da modelagem geográfica aplicados às fontes de energias renováveis; a construção dos modelos conceitual, lógico e físico; e a aplicação à área de teste. Os resultados obtidos permitiram comprovar a viabilidade da metodologia preconizada e, simultaneamente, criar um conjunto de recomendações para melhorar as condições de aplicação dos modelos e incrementar a qualidade dos resultados obtidos.Reducing the emission of gases with greenhouse effect, in particular CO2, is a global commitment that has gained prevalence and wind, hydro and solar, are increasingly an alternative to energy production from fossil fuels, but its operation is also not free from conflict. Geographic modeling emerges as an essential tool to better determine which areas have the greatest potential for economically viable exploitation of these alternative sources without compromising the environment. Conceptual models for spatial analysis were designed and developed, according to the standard OMT-G, and operational models in ModelBuilder (implementation done with ESRI's ArcGIS technology). A test application was carried out in the center region of Portugal. This paper will discuss four key issues that are the framework and relevance of the methodology; the basic principles of geographic modeling applied to renewable energy sources; the construction of conceptual, logical and physical models; and the application to the test area. Achieved results allowed to prove the viability of the proposed methodology and simultaneously create a set of recommendations to improve the conditions of application of the models and increase the quality of results.

KW - Energias renováveis

KW - Sistemas de Informação Geográfica (SIG)

KW - Modelagem Geográfica

KW - Renewable energies

KW - Geographic Information Systems (GIS)

KW - Geographic Modeling

M3 - Article

SP - 1

EP - 15

JO - Anais COBRAC

JF - Anais COBRAC

SN - 1980-4520

ER -