Loulé, o Reino do Algarve e uma certa necessidade de afirmação social (séculos XVI-XIX)

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contributionpeer-review

309 Downloads (Pure)

Abstract

A tradição marítima de muitas urbes algarvias, sobretudo nas orlas costeiras
do litoral, ditava o surgimento de formas de remuneração de mercês, bem como o próprio carácter dos serviços prestados, patente no teor de muitas portarias régias. Realidade essa com reflexo no modo de construir a memória das parentelas e as hierarquias sociais, no contexto de um território a que foi atribuída a condição de reino. Situação que fez do Algarve um caso diferente no âmbito peninsular português.
Por outro lado, as questões do sangue e da honra não ficaram à margem dessa leitura subtil, mas evidente, a que não é estranha uma certa fluidez de critérios, e parece terem demarcado os limites de estima social conferido às elites algarvias. Uma perspectiva comparada, em termos ibéricos, sugere ter existido um quadro semelhante ao da nobreza de Castela face às suas congéneres oriundas de reinos incorporados naquela Coroa (Nápoles, por exemplo).
Original languagePortuguese
Title of host publicationAtas
Subtitle of host publicationII Encontro de História de Loulé
EditorsNelson Vaquinhas
Place of PublicationLoulé
PublisherCâmara Municipal de Loulé
Pages127-136
Number of pages9
ISBN (Print)978-989-8978-03-5
Publication statusPublished - 2019
EventII Encontro de História de Loulé - Museu de Loulé, Loulé, Portugal
Duration: 31 Aug 20181 Sep 2018
http://www.cm-loule.pt/pt/menu/1528/ii-encontro-de-historia.aspx#prettyPhoto

Publication series

NameCadernos do Arquivo
PublisherCâmara Municipal de Loulé
Volume16

Conference

ConferenceII Encontro de História de Loulé
Country/TerritoryPortugal
CityLoulé
Period31/08/181/09/18
Internet address

Keywords

  • Nobrezas
  • Algarve
  • Mobilidade social
  • Remuneração de serviços

Cite this