Performatividade de género, performatividade queer e o queering como método: uma introdução

Translated title of the contribution: Gender Performativity, Queer Performativity and Queering As Method: An Introduction

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

14 Downloads (Pure)

Abstract

Os conceitos de performatividade de género e de performatividade queer encontram-se no núcleo duro da teoria queer, e o “queering” é a metodologia de análise que comprova a extraordinária produtividade desta no desestabilizar da equação sexo/ género/desejo. A aplicação do projeto crítico desnaturalizador e desessencializador do queering às artes, das artes performativas às artes plásticas e à literatura, tem-se revelado imensamente frutífera para discernir os processos mediante os quais foram construídas a oposição binária entre masculinidade e feminilidade, os estereótipos identitários de género, ou as subjetividades sexuais abjetas.
Translated title of the contributionGender Performativity, Queer Performativity and Queering As Method: An Introduction
Original languagePortuguese
Pages (from-to)25-36
Number of pages12
JournalFaces de Eva: Revista de Estudos Sobre a Mulher
Issue numberextra
Publication statusPublished - Oct 2019

Keywords

  • performatividade
  • género
  • queer
  • queering

Fingerprint

Dive into the research topics of 'Gender Performativity, Queer Performativity and Queering As Method: An Introduction'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this