Estudo das redes sociais no 2º e 3º ciclo do Ensino Básico: Tempo gasto pelos adolescentes portugueses na adesão às redes sociais. Quais os motivos dessa adesão?

Cristina Fernandes Gaspar, Miguel de Castro Neto (Advisor), José António Rui Amaral Santos (Advisor)

Research output: ThesisMaster's Thesis

Abstract

Dada a crescente popularização das redes sociais na Internet, em particular entre os adolescentes, este estudo visa determinar, quanto aos adolescentes que frequentem o ensino público português no 2.º e no 3.º ciclo do Ensino Básico, os motivos que influenciam o tempo gasto nas redes sociais. Além disso, o objectivo deste estudo é determinar qual o tempo que os adolescentes gastam nas redes sociais (RS), saber o lugar onde utilizam as RS (e.g., em casa, na escola, em casa de amigos, nas bibliotecas, etc.), conhecer quais as razões que os levam a aderir às RS, e também como é que os adolescentes avaliam a segurança na utilização das redes sociais. Por outro lado, com este estudo procura-se saber quais as redes sociais que são mais utilizadas pelos adolescentes e quantos são os “amigos da rede”, quais as suas nacionalidades e quem são esses “amigos”. Para a realização deste estudo, foi aplicada uma metodologia de carácter quantitativo, baseada na aplicação do método de recolha de dados. A amostra deste estudo, realizada através da aplicação de inquéritos, é constituída por 1375 alunos, mas destes só foram objecto de análise os 1255 alunos que utilizam as RS. Esta amostra foi recolhida em nove escolas públicas, do 2.º e 3.º ciclo do Ensino Básico, nos concelhos de Coimbra, Condeixa-a-Nova, Guarda, Pombal e Santiago do Cacém. Depois da fase de preparação dos dados e definidos todos os parâmetros, foi aplicado o teste do qui-quadrado para a análise de independência das variáveis relevantes para o presente estudo, e para a estimação do efeito de um conjunto de variáveis sobre o efeito dos motivos que influenciam o tempo gasto pelos adolescentes nas redes sociais aplicamos o modelo de regressão logística. Após a análise da amostra, verifica-se o seguinte: a rede social mais usada actualmente é o MSN (85%), a nacionalidade dos amigos da rede social é maioritariamente a portuguesa (77%), os adolescentes gastam na sua maioria duas a quatro vezes por semana nas redes sociais (37,61%), e os motivos de adesão mais relevantes são para comunicar com os amigos, para comunicar com familiares e por diversão.
Original languagePortuguese
QualificationMaster of Science
Awarding Institution
  • NOVA Information Management School (NOVA IMS)
Supervisors/Advisors
  • Neto, Miguel de Castro, Supervisor
  • Santos, José António Rui Amaral, Supervisor
Award date6 Feb 2012
Publication statusPublished - Feb 2012

Keywords

  • Online Social Networks
  • Logistic regression
  • Teens
  • Students
  • Internet
  • Schools
  • Children
  • Chi-square test

Cite this