Educação e Factores de Risco da Institucionalização do Idoso: um Estudo no Distrito Beja

Maria Goes, Isabel Cristina Maciel Natário, Manuela M. Oliveira, Jorge Bonito

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contributionpeer-review

Abstract

O aumento do envelhecimento da população constitui um fenómeno global, que tem requerido medidas políticas específicas e variadas. De todas elas, a que parece constituir o último recurso é a colocação do idoso em lares, pese embora a investigação revele a importância, para a sua saúde, de o manter o maior tempo possível no seu ambiente familiar. Este estudo procura perceber a importância de alguns factores de risco de institucionalização do idoso. Trata-se de um case-control, retrospectivo, aplicado a uma amostra de 300 idosos do Distrito de Beja. Os principais resultados apontam no sentido de existir menor grau de dependência dos idosos que residem no seu domicílio, relativamente aqueles que habitam em lares.
Original languagePortuguese
Title of host publicationEducação para a Saúde no Século XXI
Subtitle of host publicationTeorias, Modelos e Práticas
EditorsJorge Bonito
Place of PublicationÉvora
PublisherUniversidade de Évora
Pages703-714
Number of pages12
ISBN (Print)978-989-95539-3-4
Publication statusPublished - 2008
EventII Congresso Nacional de Educação para a Saúde - Auditório do Colégio do Espírito Santo, Universidade de Évora, Évora, Portugal
Duration: 19 Nov 200821 Nov 2008

Conference

ConferenceII Congresso Nacional de Educação para a Saúde
CountryPortugal
CityÉvora
Period19/11/0821/11/08
Otherorganizado pelo Centro de Investigação em Educação e Psicologia da Universidade de Évora

Keywords

  • Envelhecimento
  • idosos
  • factores de institucionalização

Cite this