Dívida pública externa e crescimento económico em Portugal (1830-1914)

Maria Eugénia Mata, Nuno Valério

Research output: Contribution to journalArticle

4 Downloads (Pure)

Abstract

A época estudada pode ser dividida em três períodos: a) 1830-1856 — durante este período Portugal viveu um primeiro ciclo de endividamento caracterizado por contracção de importantes empréstimos, conduzindo a uma suspensão do pagamento do serviço da dívida, seguida de tentativas para a converter em termos favoráveis; b) 1856-1902 — durante este
período Portugal viveu um segundo ciclo de endividamento em tudo semelhante ao primeiro acima referido; c) 1902-1914 — durante este período não foram contraídos empréstimos externos significativos. Além disso, é possível afirmar que os empréstimos externos desempenharam um papel importante no estímulo ao investimento e ao desenvolvimento económico entre 1855 e 1890.

Original languagePortuguese
Pages (from-to)121-130
JournalNotas económicas
Volume11
Publication statusPublished - 1998

Cite this