Contributos para a descrição do género de texto recensão crítica

Research output: Contribution to conferenceAbstractpeer-review

13 Downloads (Pure)

Abstract

Nesta comunicação propomo-nos apresentar e discutir os principais parâmetros do género recensão crítica, tendo em conta as dimensões temático-estrutural e enunciativa. A investigação terá como base a análise de um corpus constituído por dez recensões críticas, publicadas no n.º 198 da revista Colóquio Letras, em maio de 2018, que têm como objeto de recensão obras de ficção e ensaios. Trata-se, portanto, de recensões produzidas na atividade académica, no âmbito dos Estudos Literários. Seguindo uma metodologia de análise predominantemente qualitativa, mais baseada na compreensão e categorização de conceitos do que na análise quantitativa de conteúdo, a investigação realizada visou a identificação das regularidades temático-estruturais e enunciativas que dão conta da organização textual e discursiva dos textos empíricos analisados e podem ser assumidas como parâmetros do género recensão crítica. Relevando-se particularmente as noções de mecanismos de realização textual e parâmetros de género, seguem-se os procedimentos de análise textual apresentados em Coutinho et al. (2005), Gonçalves & Miranda (2008), Coutinho & Miranda (2009) e Gonçalves (2017). Teórica e epistemologicamente enquadrada pela perspetiva do Interacionismo Sociodiscursivo (Bronckart, 1997; 2008), a análise efetuada tem ainda em conta contributos teóricos concernentes à descrição do género recensão/resenha crítica (académica), em língua portuguesa (e.g. Machado, 2005; Ferraz, 2007; Machado, Lousada & Abreu-Tardelli, 2007; Motta-Roth & Hendges, 2010; Rosa, 2015), e de outros géneros similares, associados à atividade jornalística (e.g. Silva et al., 2015). Os resultados da análise permitirão concluir, entre outros aspetos, que: i) entre os textos analisados há efetivamente regularidades que permitem não só descrever o género recensão crítica em termos temáticos, estruturais e enunciativos como também refletir sobre o contexto sociossubjetivo de produção textual (ao nível da intenção comunicativa e do papel social do produtor e do recetor textual); ii) ao nível da infraestrutura textual, as apreciações críticas são marcadas por uma atitude enunciativa baseada no expor (evidenciando diferentes graus da presença/implicação do recenseador); ao nível dos mecanismos enunciativos, pela presença de modalizações epistémicas e apreciativas, que conferem aos textos um efeito de apreciação/comentário/avaliação. Embora a investigação a apresentar se baseie num estudo exploratório, acreditamos que os resultados obtidos permitirão sistematizar as principais regularidades do género recensão crítica (académica) e que essa sistematização poderá ser colocada ao serviço quer da Linguística Textual (por culminar na identificação de mecanismos linguísticos/categorias de análise a ter em conta em análises quantitativas posteriores), quer da Linguística Aplicada ao ensino da escrita no Ensino Superior.
Original languagePortuguese
Pages60-61
Number of pages2
Publication statusPublished - 2018
EventXXXIV Encontro Nacional da Associação Portuguesa de Linguística - Universidade Aberta, Lisboa, Portugal
Duration: 26 Sep 201828 Sep 2018
Conference number: 34
https://enapl2018.apl.pt/

Conference

ConferenceXXXIV Encontro Nacional da Associação Portuguesa de Linguística
Abbreviated titleXXXIV ENAPL
CountryPortugal
CityLisboa
Period26/09/1828/09/18
Internet address

Keywords

  • recensão crítica
  • parâmetros de género
  • infraestrutura textual
  • mecanismos enunciativos
  • Interacionismo Sociodiscursivo

Cite this