Como a linguagem se torna poder: "Make America Great Again”

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contributionpeer-review

Abstract

Pretendemos, na nossa comunicação, realizar uma análise discursiva das estratégias de persuasão e de poder utilizadas no discurso político da campanha eleitoral de Donald Trump à presidência dos Estados Unidos. Analisaremos as suas práticas nas redes sociais, nomeadamente Facebook e Twitter, principais instrumentos de comunicação online do então candidato. A escolha deste tema deve-se à relevância social do fenómeno dos discursos políticos enquanto instituição social de grande projeção quer nos Estados Unidos quer noutros países. Neste processo, estão implicados o contexto histórico e social, o discurso político do então candidato esteve contaminado por ideais populistas, refletindo, deste modo, as mudanças estruturais que afetaram as identidades pessoais e sociais (Charaudeau, 2008, 2011), bem como as noções de ethos, de representações e estereótipos, causando uma descentralização e um deslocamento dos indivíduos e dos seus mundos sociais e culturais.
O nosso estudo insere-se na linha dos estudos da Análise (Crítica) do Discurso, que considera a perspetiva do discurso como uma prática social dentro de um contexto sociocultural (van Dijk, 2008). Desta forma, a metodologia utilizada será a da análise interpretativa dos níveis e estratégias discursivas usados para identificar, descrever e explicitar as metas e os propósitos comunicativos e sociais dos participantes na interação discursiva e a sua função quer nos textos quer na sociedade.
Alguns resultados permitem perceber como Trump, um candidato não pertencente à tradição política americana, conseguiu tornar-se Presidente dos Estados-Unidos, através, entre outros, de argumentos de choque, críticas às elites, defesa do regresso de uma América forte, indo ao encontro das expectativas de uma grande parte do eleitorado americano. Veremos como valores nacionalistas e extremos, assim como temáticas com uma forte componente emocional (tais como a imigração, o terrorismo ou a violência), veiculados através de uma retórica simples e personificadas por um leader carismático, tiveram o sucesso esperado.
Original languagePortuguese
Title of host publicationLinguagens de poder
EditorsMaria Aldina Marques, Sérgio Guimarães
Place of PublicationV. N. Famalicão
PublisherHúmus | Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho (CEHUM)
Pages55-78
Number of pages23
ISBN (Print)978-989-755-430-8
Publication statusPublished - Nov 2019
EventCongresso Internacional Linguagens de Poder - Universidade do Minho, Braga, Portugal
Duration: 12 Jul 201813 Jul 2018

Conference

ConferenceCongresso Internacional Linguagens de Poder
CountryPortugal
CityBraga
Period12/07/1813/07/18

Keywords

  • Discurso político
  • Identidade social
  • Poder
  • Ethos
  • Ideologia

Cite this