Cerâmicas finas romanas da área do Monte de São Martinho (Castelo Branco, Portugal) em depósito no Museu Francisco Tavares Proença Júnior

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contribution

Abstract

O Monte de São Martinho, situado a cercade 3 km a Sudeste da cidade de Castelo Branco,é um sítio arqueológico cuja importância para a Prée Proto-História da Península Ibérica é reconhecidadesde as escavações levadas a cabo por Francisco TavaresProença Júnior, nos inícios do século XX. Desdeentão, têm-se desenvolvido vários estudos nos quaisas dimensões pré-histórica, proto-histórica e romanado sítio e da área envolvente – em especial, o territórioentre o monte e as capelas da Senhora de Mércules ede Sant’Ana – têm sido abordadas.Entre os vários artefactos da Época Romana encontradosna área do Monte de São Martinho e depositadosno Museu Francisco Tavares Proença Júnior(Castelo Branco), existem diversos fragmentos de cerâmicaina romana recolhidos durante as décadas de1910, 1970 e 1980. Estas cerâmicas, oriundas de variadoscentros produtores e utilizadas no consumo dealimentos, são uma das marcas clássicas da presençaromana e também uma evidência de contactos comerciaisentre as diferentes regiões do Império.O presente estudo constitui uma primeira abordagemàs cerâmicas inas romanas recolhidas na área doMonte de São Martinho que se encontram em depósitono Museu Francisco Tavares Proença Júnior. Paraalém dos indícios que a análise deste conjunto podefornecer em relação à ocupação romana do território,pretende-se ainda perceber os padrões de importaçãode cerâmicas inas romanas na região central da antigaprovíncia da Lusitânia.

São Martinho’s Hill, located around 3km southeast of the city of Castelo Branco, is an archaeologicalsite whose importance for the Pre andProtohistory of the Iberian Peninsula is recognizedsince the excavations conducted by Francisco TavaresProença Júnior, in the early 20th century. Since then,several studies addressing the prehistorical, protohistoricaland Roman dimensions of this site and the surroundingarea have been carried out – particularly regardingthe territory between the hill and the chapelsof the Senhora de Mércules and Sant’Ana.Amongst the various Roman artifacts found in theSão Martinho’s Hill area and stored in the FranciscoTavares Proença Júnior Museum (Castelo Branco),there are several Roman ine ware fragments collectedduring the 1910s, 1970s and 1980s. These ceramics,coming from various production centers, are one ofthe standard marks of Roman presence and also anevidence of commercial contacts between the differentregions of the Empire. This study is a irst approach to the Roman inewares collected in the São Martinho’s Hill area thatare stored in the Francisco Tavares Proença JúniorMuseum. In addition to the evidence that the analysisof this assemblage may provide regarding the Romanoccupation of the territory, we also intend to understandthe import patterns of Roman ine wares to thecentral region of the ancient province of Lusitania.
Original languagePortuguese
Title of host publicationII Congresso Internacional de Arqueologia da Região de Castelo Branco nos 100 anos da Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior
EditorsRaquel Vilaça
Place of PublicationCastelo Branco
PublisherRVJ Editores
Pages233-264
Number of pages31
ISBN (Print)978-989-8289-71-1
Publication statusPublished - 2016
EventII Congresso Internacional de Arqueologia da Região de Castelo Branco nos 100 anos da Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior - Castelo Branco, Portugal
Duration: 10 Apr 2015 → …

Conference

ConferenceII Congresso Internacional de Arqueologia da Região de Castelo Branco nos 100 anos da Sociedade dos Amigos do Museu de Francisco Tavares Proença Júnior
CountryPortugal
CityCastelo Branco
Period10/04/15 → …

Keywords

  • Área do Monte de São Martinho
  • Época Romana
  • Cerâmicas inas
  • Terra sigillata
  • Comércio
  • São Martinho’s Hill area
  • Roman period
  • Fine wares
  • Trade

Cite this