Carnaval no sul da Galiza: uma proposta processual entre o riso e o emblema

Research output: Contribution to journalArticle

1 Downloads (Pure)

Abstract

A partir do riso, este ensaio pretende inquirir um momento significativo do ciclo festivo anual galego: o carnaval em Vilariño de Conso. O meu argumento assenta na necessidade de perspetivar o que resulta da etnografia atual, inserindo-a num ciclo longo, que torna legíveis as modificações na sociedade. Centra-se nas transformações da relação com o riso nestas festas, e propõe cinco momentos, que cruzam o tempo geral e o tempo local, a ritualidade e as conjunturas. Insere-se num trabalho de terreno de revisitação extensiva dos entroidos, que parte de etnografias produzidas em tempos diversos, e que decorre desde os anos de 1980 até à atualidade, num campo que abrange o norte interior de Portugal e a Galiza.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)145-172
Number of pages28
JournalRevista Memória em Rede
Volume12
Issue number22
DOIs
Publication statusPublished - 2020

Keywords

  • aporias da «cultura popular»
  • Entroidos
  • Galiza
  • Espanha
  • riso
  • festas de inverno
  • processos de emblematização
  • património
  • mercantilização

Cite this