Atentado a Almeida de Carvalho

Research output: Contribution to journalConference article

49 Downloads (Pure)

Abstract

Na noite de 31 de agosto de 1855, quando se dirigia a sua casa, foi o jornalista João Carlos de Almeida Carvalho cobardemente apunhalado, na Rua da Praia (hoje Av. Luísa Todi). O atentado deu brado na imprensa, de norte a sul do País. A condenação foi unânime, sendo que a maioria dos mais importantes jornais da época interpretaria o crime como uma tentativa de condicionar a liberdade de imprensa, um crime de natureza política e politicamente utilizado como meio de criticar o Governo da época.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)199-212
Number of pages13
JournalMUSA museus, arqueologia & outros patrimónios
Issue number6
Publication statusPublished - 2018
EventEncontro sobre Arqueologia Urbana e História Local: Homenagem ao Historiador e Arqueólogo João Carlos de Almeida Carvalho (1817-1897 - http://maeds.amrs.pt/, Setúbal, Portugal
Duration: 8 Sep 20179 Sep 2017

Keywords

  • Cartismo
  • Setúbal
  • Almeida Carvalho
  • atentado
  • imprensa
  • Regeneração

Cite this