Associação Etnia e o Circuito Cultural Lusófono. Construindo uma lusofonia cultural em rede a partir do antigo centro

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapter

5 Downloads (Pure)

Abstract

Este artigo analisa a ONG lisboeta Etnia – Cultura e Desenvolvimento enquanto modelo de organização social e intervenção cultural. Fundada em
2000, Etnia tem investido de forma contínua na construção de uma rede cultural lusófona transnacional através de projetos e programas entre Portugal, Brasil, Cabo Verde e Guiné-Bissau. O caso da Etnia sugere que empreendedores culturais em rede possam orientar a mudança social além de narrativas essencialistas, permitindo não só a capacitação de profissionais do setor cultural e criativo, mas também um melhor entendimento do potencial futuro e afetivo da chamada lusofonia.
Original languagePortuguese
Title of host publicationContributos do Congresso Internacional “Redes de Cooperação Cultural Transnacionais"
Subtitle of host publicationUm olhar sobre a realidade lusófona
EditorsM. Gama, H. Sousa
Place of PublicationBraga
PublisherCECS-Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (Universidade do Minho)
Pages195-212
Number of pages17
ISBN (Electronic) 978-989-8600-68-4
Publication statusPublished - 2017

Keywords

  • Lusofonia
  • Associativismo
  • Etnia
  • Lisboa
  • Gestão cultural

Cite this

Vanspauwen, B. (2017). Associação Etnia e o Circuito Cultural Lusófono. Construindo uma lusofonia cultural em rede a partir do antigo centro. In M. Gama, & H. Sousa (Eds.), Contributos do Congresso Internacional “Redes de Cooperação Cultural Transnacionais": Um olhar sobre a realidade lusófona (pp. 195-212). Braga: CECS-Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (Universidade do Minho).