As «marcas de oleiro» na "terra sigillata" de Vale de Tijolos (Almeirim) e as dinâmicas comerciais no "ager scallabitanvs" durante o principado

Rodrigo Banha da Silva, João Pimenta, Henrique Mendes

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapter

41 Downloads (Pure)

Abstract

O sítio rural romano de Vale de Tijolos surge-nos mencionado por diversas vezes, estando referenciado com o CNS 3110. Conhecido através de uma vasta dispersão superficial de vestígios cerâmicos, vítreos, metálicos e numismáticos, desconhece-se para já qualquer estrutura.
No Centro de Estudos Arqueológicos de Vila Franca de Xira encontra-se depositada uma colecção de materiais arqueológicos proveniente do sítio rural romano de Vale de Tijolos, de que se seleccionaram para esta apresentação as «marcas de oleiro» na terra sigillata, 26 exemplares na sua maioria muito fragmentários. Estão representadas impressões efectuadas em fabricos de modo itálico, tardo-itálicos pisanos, sud-gálicos de La Graufesenque e hispânicos setentrionais, bem ilustrativos da elevada capacidade de aprovisionamento e da diversidade do fornecimento de que o local dispôs entre finais do séc. I a.C. e as primeiras décadas do séc. II d.C.
O balanço diacrónico do conjunto de «marcas de oleiro» permitiu esboçar o perfil de importações de Vale de Tijolos, e contrastar os dados com os com a mesma natureza do outro importante sítio rural de Azeitada e do centro redistribuidor regional correspondente à cidade de Scallabis (Silva, 2012), reavaliando os perfis regionais de consumo da terra sigillata nesta zona nevrálgica do Baixo Tejo português.

The Roman rural settlement of Vale de Tijolos was often quoted, corresponding to national code site CNS 3110. It is known through a vast dispersion of finds, namely pottery, glass, metal artefacts and coins, but no constructive remains are known so far.
In Centro de Estudos Arqueológicos de Vila Franca de Xira (Vila Franca de Xira Centre for Archaeological Studies) is deposited a collection of materials from the site, «potter´s stamps» on samian ware were being selected for publication: 26 individuals, mainly very incomplete. Italic fabrics, Pisan Late Italic, La Graufesenque and northern Spain are the groups present, illustrative of acquisition capacities and of diversity of supply available for the site, from mid Augustan to Hadrianic times.
Time span balance of chronologies associated to stamps allows to sketch imports profile of Vale de Tijolos, and to constrast it to data from nearby rural settlement of Azeitada and from the town of Santarém, the regional distributor centre, evaluating consummation pattern in the commercial vital zone of Lower Portuguese Tagus.
Original languagePortuguese
Title of host publicationArqueologia em Portugal
Subtitle of host publication2017 — Estado da questão
Place of PublicationLisboa
PublisherAssociação dos Arqueólogos Portugueses
Pages1205-1217
Number of pages13
ISBN (Electronic)978-972-9451-71-3
ISBN (Print)978-972-9451-70-06
Publication statusPublished - 2017

Keywords

  • Terra Sigillata
  • Povoamento rural romano
  • Arqueologia Romana
  • "marcas de oleiro"
  • Comércio romano
  • Roman Archaeology
  • Roman rural settlement
  • «Potter’s Stamps»
  • Roman Commerce

Cite this