As acusações ao compositor Jeremy Soule: algumas notas sobre a sua recepção musical na comunidade online de Elder Scrolls

Research output: Contribution to conferenceAbstractpeer-review

Abstract

Quando Jeremy Soule, compositor para algumas das mais reconhecidas franchises de videojogos (Guild Wars ou The Elder Scrolls), foi acusado de má conduta sexual em 2019, a internet foi palco para múltiplas reacções em diversas frentes. Desde o questionamento da credibilidade das vítimas até à tomada de uma posição neutra enquanto aguardavam por desenvolvimentos futuros, fãs e jogadores fizeram uso de plataformas digitais para expressar preocupação, surpresa, ou dúvida; estas reacções apontam para o capital simbólico significativo que Soule comporta no contexto da música para videojogos. Contudo, estas alegações integraram um fenómeno alargado de sensibilização e exposição pública de práticas abusivas em vários contextos laborais na indústria dos videojogos, trazendo à luz uma discussão urgente sobre sexismo e abusos contra mulheres e profissionais de identidades não-binárias nestas áreas, levantando assim questões pertinentes relativas ao feedback e recepção dos utilizadores. Nesta comunicação, pretendo discutir os possíveis impactos destas acusações na relação entre a música de Soule e os utilizadores, em particular na comunidade de modding, incluindo a sua visão geral sobre o envolvimento afectivo pessoal com os jogos, de modo a examinar a profunda ligação entre música, interactividade, autoria e identidades “gamer”.
Original languagePortuguese
Pages1
Number of pages1
Publication statusPublished - 2022
Event4º Simpósio NEGEM: Intersecções - Colégio Almada Negreiros, FCSH, Lisboa, Portugal
Duration: 23 Sept 202224 Sept 2022
Conference number: 4

Conference

Conference4º Simpósio NEGEM
Country/TerritoryPortugal
CityLisboa
Period23/09/2224/09/22

Cite this