Entre a crítica genética e a crítica literária, a propósito de uma edição electrónica de Esaú e Jacó

Translated title of the contribution: Apropos a digital edition of Esau and Jacob, Reflections on Genetic and Literary Criticism

Research output: Contribution to journalArticle

1 Downloads (Pure)

Abstract

A crítica genética e a crítica literária têm, até agora, sido vistas como dois modos diferentes de olhar para os textos. Enquanto os críticos literários interpretam o texto, isto é, o resultado do processo de escrita, a crítica genética concentra a sua atenção no acto de escrita de um autor, sem refletir sobre as consequências que o processo tem sobre o produto final - o texto tal como será lido. Neste artigo, pretendo, usando como pretexto o manuscrito autógrafo existente de Esaú e Jacó na Academia Brasileira de Letras, pensar sobre a possível interseção entre os movimentos de escrita de Machado de Assis, detectáveis neste testemunho, e a reflexão que o próprio Machado faz, nos seus textos, em particular os da denominada segunda fase machadiana, versando a escrita de livros.
Translated title of the contributionApropos a digital edition of Esau and Jacob, Reflections on Genetic and Literary Criticism
Original languagePortuguese
Pages (from-to)79-83
Number of pages14
JournalMachado de Assis em Linha
Volume13
Issue number29
DOIs
Publication statusPublished - Mar 2020

Keywords

  • Machado de Assis
  • processo de escrita
  • emenda
  • errata

Fingerprint Dive into the research topics of 'Apropos a digital edition of Esau and Jacob, Reflections on Genetic and Literary Criticism'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this