Aplicando as expressões de Pessoa ‘Nonregionalism’ e ‘Indefiniteness of Soul’ ao Cosmopolitismo Radical e à Racialidade Pluritópica

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingConference contribution

10 Downloads (Pure)

Abstract

Nesta apresentação, focar-me-ei no nonregionalisme indefiniteness of soul de Pessoa, aplicando-osà possibilidade e actividade contemporâneado cosmopolitismo radical e da pluralidade daraça. Estes termos de Pessoa encontram-se numacarta, não publicada em vida, de 1916 (durante aPrimeira Guerra Mundial), no contexto da promoçãoda revista modernista Orpheu. Tomando estaspalavras e respectivo parágrafo (que declaratambém que os sensacionistas portugueses são«cosmopolitas e universais») como ponto de partida,defenderei que as estratégias de espionagem de Pessoa, bem como as suas poesias heteronímicae mitologia criativa, destacam e penetram deforma brilhante no papel incessantemente mutá-vel da linguagem, da localização, do exílio, dasmáscaras e da metafísica desalojada humanas.Juntos, estes aspectos abrem e expressam a possibilidadede transformação de culturas europeiasem culturas globais, do estado de ordem espirituale geopolítica do nomos num estado nómada,e da pluralidade do sujeito numa pluralidade deraça.
Original languagePortuguese
Title of host publicationCongresso Internacional Fernando Pessoa 2017
Place of PublicationLisbon
PublisherCasa Fernando Pessoa
Pages92-101
Number of pages10
Publication statusPublished - 2017
EventCongresso Internacional Fernando Pessoa 2017 - Fundação Caloust Gulbenkian/ Casa Fernando Pessoa, Lisboa , Portugal
Duration: 9 Feb 201711 Feb 2017

Conference

ConferenceCongresso Internacional Fernando Pessoa 2017
CountryPortugal
CityLisboa
Period9/02/1711/02/17

Cite this