Análise da volumetria do edificado em meio urbano

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapter

Abstract

O presente trabalho explora os dados obtidos por Light Detection And Ranging (LiDAR), juntamente com dados cartográficos, como fonte para a produção de indicadores urbanos de volumetria. Cruzando a informação planimétrica sobre a localização dos edifícios, com a informação fornecida pelo LiDAR, consegue-se obter a altura de cada edifício, bem como a área de implantação. Este modelo 3D do edificado é a base para o estudo da variabilidade espacial do tecido urbano. O conceito é aplicado na cidade de Lisboa, onde se propõe um conjunto de medidas que incluem indicadores de Densidade e de Homogeneidade Volumétricas. A partir destes indicadores estuda-se o volume construido de 56 bairros lisboetas com diferentes características, desde áreas históricas consolidadas, até áreas residenciais/comerciais mais recentes.
Original languageUnknown
Title of host publicationIX Congresso da Geografia Portuguesa
EditorsTeresa Pinto Correia, Virgínia Henriques E Rui Pedro Julião
Place of PublicationLisboa
PublisherAssociação POrtuguesa de Geógrafos
Pages126-131
ISBN (Print)978-972-99436-6-9
Publication statusPublished - 1 Jan 2013

Publication series

NameGeografia: Espaço, Natureza, Sociedade e Ciência
PublisherAssociação Portuguesa de Geógrafos

Cite this