Um Estudo sobre as Áreas Informais de Lisboa, Luanda e Rio de Janeiro: A Emergência Cultural das Periferias

Translated title of the contribution: A Study on the Informal Areas of Lisbon, Luanda and Rio de Janeiro:: The Emerging of the Periphery from a Cultural Point of View

Research output: Contribution to conferenceAbstractpeer-review

Abstract

As periferias de Lisboa, Luanda e Rio de Janeiro constituem os objetos de estudo no presente trabalho e serão observadas a partir de vários focos disciplinares. Após uma breve contextualização socio-urbanística das áreas informais destas três cidades, a investigação centrar-se-á na configuração artístitica que estas áreas vêm assumido na contemporaneidade. A periferia é aqui vista simbolicamente como sinónimo de marginal, de anti-canónico, de emergente e coincide geograficamente com as áreas de edificação informal. Destacamos a oposição espacial ao centro urbano, visto como sinónimo neste caso do main stream, do cânone, do reconhecido, do tradicional. Procuraremos demonstrar como na atualidade a periferia assume um papel quer de sujeito artístico quer de espaço de produção e iremos dedicar especial atenção ao cinema português, à música angolana e à literatura brasileira. No caso do cinema português há uma rutura com o cânone tradicional exaltador do centro, o qual sempre assumiu um papel cardinal na maioria dos filmes e das obras literárias portuguesas passadas e atuais. Surgiu recentemente o desejo de deslocar a representação tradicional de Portugal e da sua capital no sentido de uma aproximação à Lisboa periférica e dos subúrbios, de forma a configurar outra faceta desta cidade, menos conhecida e estudada. Os musseques luandenses tornaram-se novamente o lugar de expressão da identidade nacional, especialmente através do hip-hop contemporâneo. As favelas do Rio de Janeiro deixaram de ser apenas expressão da degradação moral e social do Rio de Janeiro. Os moradores da favela são hoje os narradores da(s) sua(s) história(s) através do funk – ou da literatura hip-hop – é oferecida uma descrição diferente deste espaço, não limitando a sua representação ao tema da violência e da criminalidade. O objetivo do presente trabalho é demonstrar, deste modo, o surgimento deste interesse cultural pelas periferias urbanas destas capitais.
Translated title of the contributionA Study on the Informal Areas of Lisbon, Luanda and Rio de Janeiro:: The Emerging of the Periphery from a Cultural Point of View
Original languagePortuguese
Publication statusPublished - 2014
EventConferência Internacional-Perspetivas Lusófonas. Transnacionalismo, Multiculturalismo eCosmopolitismo, Instituto de História Contemporânea, - Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa, , Lisbon, Portugal
Duration: 1 Jul 20142 Jul 2014

Conference

ConferenceConferência Internacional-Perspetivas Lusófonas. Transnacionalismo, Multiculturalismo eCosmopolitismo, Instituto de História Contemporânea,
CountryPortugal
CityLisbon
Period1/07/142/07/14

Fingerprint

Dive into the research topics of 'A Study on the Informal Areas of Lisbon, Luanda and Rio de Janeiro: The Emerging of the Periphery from a Cultural Point of View'. Together they form a unique fingerprint.

Cite this