A sismicidade no Curso de Sismologia (1970) de Frederico Machado e seis cartas históricas de isossistas com interesse para o Ensino de Ciências

Research output: Contribution to journalConference article

Abstract

Nos documentos curriculares portugueses em vigor para a disciplina de Ciências Naturais, 7.o ano de escolaridade, há uma orientação no sentido da exploração e discussão de cartas de isossistas relativas a sismos com efeitos no território nacional. Neste trabalho incluímos alguns apontamentos históricos sobre o conceito de intensidade sísmica, a qual permite a medição de um terramoto sem recurso a instrumentos, e apresentamos seis cartas de isossistas que constam no Curso de Sismologia (1970) de Frederico Machado. Para cada carta de isossistas analisámos as fontes utilizadas pelo autor e produzimos uma reflexão com sugestões para exploração em contexto didático. Verificámos que estas cartas são representativas da sismicidade no território português e constituem uma oportunidade para explorar o conceito de intensidade sísmica e corresponder às orientações curriculares (ensino básico) para este tema.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)154-165
Number of pages12
JournalHistória da Ciência e Ensino: construindo interfaces
Volume20
DOIs
Publication statusPublished - 2019
EventI Congresso Internacional de História da Ciência no Ensino. - Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Portugal
Duration: 30 May 20191 Jun 2019
Conference number: 1

Keywords

  • cartas de isossistas
  • História da Sismologia
  • intensidade sísmica

Cite this