A Rede Escolar no município de Lisboa: Um caso de Geografia Económica e Social

Research output: Chapter in Book/Report/Conference proceedingChapter

Abstract

Como se afirma na Carta Educativa de Lisboa (2008), a capacidade instalada deve conseguir responder às necessidades demográficas da zona de implantação geográfica dos equipamentos escolares. Pretende-se com este estudo encontrar um método de optimização das áreas de influência das escolas do pré-escolar e do primeiro ciclo da rede pública no município de Lisboa, ao mesmo tempo que são identificadas ineficiências no sistema. A metodologia adoptada tem como informação de base a localização dos equipamentos escolares e a sua capacidade estimada. A partir de informação demográfica (Censos 2011) agregada ao nível da sub-secção estatística são estimadas, para cada escalão etário (entre os 3 e 9 anos), as necessidades por área para diferentes anos (assumindo taxas de crescimento médio entre 2001 e 2011). Toda a informação geográfica utilizada é gratuita assim como as ferramentas de software são de uso livre e de código aberto. Os resultados apontam no sentido dos benefícios da reestruturação da área de influência de cada equipamento.
Original languageUnknown
Title of host publicationIX Congresso da Geografia Portuguesa
EditorsTeresa Pinto Correia, Virgínia Henriques E Rui Pedro Julião
Place of PublicationLisboa
PublisherAssociação POrtuguesa de Geógrafos
Pages144-149
ISBN (Print)978-972-99436-6-9
Publication statusPublished - 1 Jan 2013

Publication series

NameGeografia: Espaço, Natureza, Sociedade e Ciência
PublisherAssociação Portuguesa de Geógrafos

Cite this