A Problemática de Escrita no Ensino Superior em Angola: Instrumentos de Remediação

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

3 Downloads (Pure)

Abstract

Este artigo faz uma abordagem sobre a problemática de escrita, com maior incidência aos erros ortográficos e à produção textual dos estudantes da Faculdade de Ciências Sociais de Lu-anda -Angola. O trabalho tem por objetivo geral elevar o nível de competência escrita dos discentes. Especificamente, pretendemos identificar e classificar os erros registados nos textos e analisar alguns aspetos relacionados com a produção textual, particularmente, a coerência e coesão. Em seguida, pesquisarmos sobre as causas dos problemas apresentados e, finalmente, propormos os instrumentos didáticos que possam ser utilizados na busca de soluções adequadas. A existência em Angola da co-abitação de várias línguas, nomeadamente, a Língua Portuguesa e as línguas nacionais (kikongo, Kim-bundu, umbundu, etc.), levou-nos a determinar primeiro a situação sociolinguística de cada um dos aprendentes antes de implementarmos o projeto. Os dados foram recolhidos através de um inquérito (individual) e de produção de texto. Feita a análise, constatámos que os erros mais frequentes foram os de omissão de acentos, os de confusão nas consoantes e os de confusão nas vogais. Para a conce-ção das propostas didáticas, remetemo-nos ao quadro teórico do interacionismo sociodiscursivo, na sua vertente de ensino de escrita através de género de texto. Para o presente trabalho, utilizámos o género resumo escolar.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)196-219
Number of pages24
JournalFólio - Revista de Letras
Volume11
Issue number2
DOIs
Publication statusPublished - 2020

Keywords

  • Erros ortográficos
  • Género resumo escolar
  • Interacionaismo sociodiscursivo
  • Produção escrita

Cite this