A nova capela-mor setecentista da Catedral de Évora: Uma abordagem ao seu impacto na atividade musical de Pedro Vaz Rego e Ignácio António Celestino

    Research output: Contribution to journalArticle

    84 Downloads (Pure)

    Abstract

    A Catedral de Évora viu duas grandes construções durante a primeira metade do século XVIII. A primeira foi a construção do novo edifício para o Colégio dos Moços do Coro e a segunda consistiu na edificação de uma nova capela-mor para a Catedral. Neste estudo é analisada a construção da capela-mor a partir da perspectiva do seu impacto na actividade musical da Catedral, nomeadamente a actividade dos dois mestres de capela que trabalharam na Catedral durante este período: Pedro Vaz Rego e Ignácio António Celestino.
    Original languageEnglish
    Pages (from-to)77-92
    Number of pages15
    JournalArte y Patrimonio
    Issue number3
    Publication statusPublished - 2018

    Keywords

    • Catedral de Évora
    • Música Sacra
    • Capela-mor
    • Pedro Vaz Rego
    • Ignácio António Celestino

    Cite this