A morte de Maria Gabriela Llansol e José Saramago na Imprensa: Entre a celebração e a revelação

Research output: Contribution to conferencePaper

Abstract

Entre as notícias de cultura, a morte dos escritores é uma das que merece cada vez mais destaque de primeira página nos jornais portugueses. Foi o caso de José Saramago (em 2010) e de Maria Gabriela Llansol (em 2008). Analisamos a cobertura e o tratamento jornalístico feito pelos diários Público, Diário de Notícias, Correio da Manhã, Jornal de Notícias, semanário Expresso e revista Visão, procurando compreender quais as estratégias discursivas na consagração de cada um destes autores, no momento da sua morte. Este artigo inscreve-se no projeto “A Cultura na Primeira Página nos jornais portugueses entre 2000 e 2010”, desenvolvido no CIMJ e financiado pela FCT.
Original languagePortuguese
Pages709-718
Number of pages9
Publication statusPublished - 1 Jan 2013
EventViii Congresso da SOPCOM -
Duration: 1 Jan 2013 → …

Conference

ConferenceViii Congresso da SOPCOM
Period1/01/13 → …

Cite this