A inclusão de minorias no desenho de territórios educativos interculturais: reflexões a partir do projecto ALLMEET

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

25 Downloads (Pure)

Abstract

Num contexto de diversidade de grupos populacionais em convivência, acelerado pelos processos de globalização das mobilidades, o diálogo intercultural vem-se afirmando como processo educativo de sucesso para o respeito da diversidade e a promoção da coesão social. Considerado uma boa prática da União Europeia (UE), o diálogo intercultural está na base da proposta do projecto ALLMEET, que prevê a implementação de plataformas educativas interculturais em contextos urbanos diferenciados de cinco regiões da Federação Russa. A reflexão e a partilha de experiências no âmbito da rede de trabalho constituída neste projecto conduziu-nos a uma discussão sobre as finalidades educativas e seu enquadramento de grupos minoritários, a criação de territórios educativos prioritários e a interculturalidade em contexto de desigualdades sociais.

In a context of sociability of diverse population groups, intercultural dialogue has been affirming as a successful educational idea for the respect of diversity and for the promotion of social cohesion. Considered among the best practices of the European Union, intercultural dialogue is at the basis of the proposal of ALLMEET project, which aims to implement intercultural education platforms in different urban contexts of five regions in Russian Federation. The debate and sharing experiences, within the network constituted in this project, led us to a discussion about educational aims and their framing of minority groups, the creation of priority education territories, and interculturalism in a context of social inequity.
Original languagePortuguese
Pages (from-to)9-18
Number of pages9
JournalForum Sociológico
Issue number28
Publication statusPublished - 2016

Keywords

  • União Europeia – Federação Russa
  • Educação intercultural
  • Territórios educativos interculturais
  • Redes de investigação

Cite this