A Cultura Literária na Periferia: Algarve (1759-1910)

Research output: ThesisDoctoral Thesis

Abstract

Nesta tese, estuda-se a expansão geográfica e social da cultura literária impressa, entre meados do século XVIII e o início do século XX. A análise, discutindo o conceito de periferia, visa contribuir para o conhecimento do meio cultural contemporâneo e para a reflexão em torno do conceito de espaço cultural que a circulação do impresso oferece. Investigam-se, por um lado, as instituições e os agentes que localmente legitimaram e disponibilizaram a cultura tipográfica, avaliando as suas motivações e recursos intelectuais e, por outro lado, partindo dos objectos impressos em circulação, estudam-se os contextos históricos e as práticas concretas de acesso à leitura e à escrita, caracterizando-
se comunidades – reais e imaginárias – de leitores, que, em conjunto, mas por
diferentes vias, desenharam o padrão da cultura literária oitocentista.
Original languagePortuguese
Awarding Institution
  • Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH)
Supervisors/Advisors
  • Lisboa, João Luís, Supervisor
  • Anselmo, Artur , Supervisor
Thesis sponsors
Award date21 Apr 2016
Publication statusPublished - 2016

Cite this