Vão é limpar floresta... - estudo de uma construção marcadora de valor discursivo

Valentim, H. T. (Speaker), Gonçalves, M. (Speaker)

Activity: Talk or presentationOral presentation

Description

O objeto escolhido para este estudo é uma construção linguística relacionada com a oralidade em português, frequente na fala espontânea de adultos, que aparece com facilidade nos comentários, nomeadamente nos comentários em linha de leitores a notícias jornalísticas digitais. Veja-se alguns exemplos (sublinhados nossos): Estou farto desta classe... e sem resultados, vão é limpar floresta... (Jorn_Expr_1; Marques Mendes defende aumento dos salários para governantes) Confirma-se: o dinheiro existe. Está é muito mal distribuído. (Jorn_Expr_5; Bruxelas paga reforma antecipada a Durão desde abril) As ocorrências da construção linguística em análise são extraídas do corpus G&T.COM, criado e organizado pelo grupo Gramática & Texto (CLUNL), reunindo textos empíricos que circulam socialmente sob o rótulo "comentário”. Neste corpus, é fácil encontrar comentários em linha de leitores de imprensa escrita, com características reivindicativas, por vezes de exacerbada expressividade, reagindo a conteúdos veiculados seja nas peças jornalísticas seja nos comentários de outros leitores. É objetivo da presente proposta dar conta desta construção de claros contornos discursivos, descrevendo-a e caracterizando-a com vista a uma compreensão do seu funcionamento transcategorial. Pretende-se, deste modo, dar conta do seu funcionamento simultaneamente sintático, semântico (no quadro da Teoria das Operações Predicativas e Enunciativas) e discursivo/textual (no quadro do Interactionismo Sociodiscursivo), sublinhando a pertinência da articulação do estudo dos fenómenos gramaticais com a análise da edificação dos textos e das práticas de linguagem. Mediante a perspetiva perspetiva adotada, ilustra-se a possibilidade de se fundar a descrição do funcionamento das construções linguísticas no pressuposto de que existe uma relação entre, por um lado, a sua natureza e especificidade em termos de operações que lhe subjazem e, por outro lado, o tipo de valores discursivos construídos e a organização dos textos que refletem práticas de linguagem particulares, como é o caso do comentário em linha. Nesta medida, a descrição das operações subjacentes à construção linguística em causa permite, simultaneamente, sustentar e melhor compreender o efeito discursivo de confronto, ou de contraposição, que lhe está associado e, desse modo, contribuir para a descrição das práticas de comentários em linha.
Period14 Dec 2018
Event titleMarcadores Discursivos: o Português como Referência Contrastiva
Event typeConference
LocationPorto, Portugal
Degree of RecognitionInternational

Keywords

  • Valor discursivo
  • Operações enunciativas
  • Contraposição
  • Comentário
  • Práticas de linguagem