Officium mortuorus: o Ofício de Defuntos musicado na tradição cisterciense em Portugal entre os séculos XIII e XVIII

Activity: Talk or presentationInvited talk

Description

A presente comunicação teve como principal objectivo contribuir para o entendimento
de como terão sido celebrados os rituais de morte na tradição cisterciense em Portugal entre os séculos XIII e XVIII.
Datam dos séculos VIII / IX as primeiras referências ao Ofício de Defuntos, embora a
celebração diária deste Ofício e a sua generalização só viessem a acontecer em
meados do XIV, tornando-se obrigatório já após o Concílio de Trento. No que respeita
às funções litúrgicas do Ofício de Defuntos, este encontra-se relacionado com a liturgia funerária, a qual engloba, não só o ritual de morte e enterramento de um indivíduo, bem como, a celebração diária para várias pessoas defuntas.
Assim, dada a centralidade do Ofício de Defuntos na comemoração dos rituais de
morte na Igreja Católica, no período cronológico acima referido, partiu-se de um
estudo de um conjunto de fontes monódicas portuguesas associadas à tradição
cisterciense, as quais podem ser encontradas em diferentes tipologias de livros
litúrgicos.
Period28 Sep 2019
Event titleCiclo de conferências Manuscritos de Alcobaça III : Livros, música e liturgia
Event typeOther
LocationAlcobaça, Portugal

Keywords

  • Manuscritos musicais
  • Alcobaça
  • Ofício de Defuntos
  • Monodia sacra